Em um encontro que durou quatro dias na última semana, a Comissão Nacional de Incentivo à Cultura (CNIC) encerrou as atividades de análise do ano de 2015 com a avaliação de 727 projetos. Foram 700 aprovados durante a 239ª reunião ordinária da Comissão, realizada em Brasília (DF), somando um total de quase R$ 911 milhões passíveis de serem captados via Lei Rouanet.

Foto: ReproduçãoA maior concentração das propostas, com índice de 67,3% do total, foi proveniente da região Sudeste, com 489 inscritos. Em seguida, vieram as regiões Sul (138), Nordeste (72), Centro-Oeste (23) e Norte (5). Quanto à área cultural, a maioria esteve entre Artes Cênicas (238 projetos, representando 32,7% do total) e Música (203, 27,9%). Os demais projetos avaliados foram de Humanidades (91), Audiovisual (87), Artes Visuais (86) e Patrimônio Cultural (22).

Os proponentes que tiveram seus projetos com parecer favorável à aprovação deverão aguardar publicação, no Diário Oficial da União, da portaria de autorização para captação de recursos. Também devem acompanhar seu projeto por meio do Sistema de Apoio às Leis de Incentivo à Cultura (Salic), uma vez que as comunicações e solicitações complementares, caso necessárias, se dão exclusivamente por essa ferramenta.

Clique aqui para acessar os pareceres.

*Com informações do site do MinC


editor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *