Neste vídeo da nossa série sobre o Procultura, o diretor da Base7, Ricardo Ribenboim, fala sobre a evolução da lei Rouanet e a importância de se pensar na maneira como o incentivo à cultura é feito, no que diz respeito aos 100% de incentivo e ao Fundo Nacional de Cultura.

Para ele, pensar em projetos e políticas culturais no Brasil sem lei de incentivo é utópico, no entanto é necessário um processo de conscientização para não depender apenas disso.

O II Seminário #Procultura acontecerá no dia 17 de agosto, em São Paulo, e tem como objetivo qualificar o debate sobre o atual status do financiamento à cultura no Brasil, refletir e propor caminhos, tendo em vista os fatos ocorridos no último ano, que indicam  tendências para a produção, distribuição e consumo da cultura no país. Também serão analisados os avanços no texto do Procultura nesses 12 meses.

Mais informações aqui: s://bit.ly/121gm8I


editor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *