Em mais um vídeo da nossa série sobre o Procultura, o músico e historiador Cacá Machado fala sobre o modelo de incentivo à cultura atual e a importância de estimular a sustentabilidade do mercado.

Especificamente sobre o mercado musical, ele lembra que agora o problema é a circulação. “O governo deveria pensar em leis e incentivos que potencializem a lógica coletiva de rede e não mais a lógica individual”.

O II Seminário Procultura acontecerá no dia 17 de agosto, em São Paulo, e tem como objetivo qualificar o debate sobre o atual status do financiamento à cultura no Brasil, refletir e propor caminhos, tendo em vista os fatos ocorridos no último ano, que indicam tendências para a produção, distribuição e consumo da cultura no país. Também serão analisados os avanços no texto do Procultura nesses 12 meses.

 

 

 

 


editor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *