Na última segunda (22), a Frente Ampla pela Cultura – que conta com mais de 400 entidades signatárias – enviou, em resposta à entrevista concedida para a revista Veja SP, uma carta com diversos questionamentos ao Secretário de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, Sérgio Sá Leitão. O grupo solicita uma reunião ou um debate público junto a alguns representantes do setor, integrantes (ou não) da Frente Ampla, com o Secretário.

A Frente tem inúmeras questões, críticas e desconfianças em relação à consulta pública aberta pela Secretaria sobre o ProAC Expresso Direto, edital criado para substituir o ProAC ICMS – modalidade de incentivo fiscal do programa – que teve anunciada sua suspensão até 2023.

O grupo elaborou também uma proposta orçamentária completa e detalhada, para o conjunto do Programa de Ação Cultural do Estado de SP (ProAC), para o exercício de 2021.

A íntegra da carta (publicada como direito de resposta) foi publicada no site da revista Veja.


editor

2Comentários

  • Mari trajano, 24 de fevereiro de 2021 @ 14:55 Reply

    Maravilhoso trabalho que frente ampla está fazendo

  • Mari trajano, 24 de fevereiro de 2021 @ 14:56 Reply

    Maravilhoso que estão fazendo com esta união trabalhadores da cultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *